interessante

Quem é o proprietário do Assaí Atacadista?

Quem E Dono Do Assai Atacadista

Pertencia diretamente ao GPA até 2021, quando abriu as suas negociações na bolsa. Contudo, a empresa ainda era controlada pelo grupo francês Casino – que também controla o GPA – até 2023, quando vendeu sua última participação acionária na Companhia.

Leia também

No momento do anúncio, especialistas consultados pelo E-Investidor consideraram a venda benéfica para ambas as empresas. Isso se deve ao fato de que o GPA poderá se livrar de um segmento pouco lucrativo no grupo, uma vez que os hipermercados têm perdido espaço no Brasil. Por outro lado, o Assaí terá a oportunidade de acelerar seus planos de expansão ao transformar as lojas Extra Hiper bem localizadas em atacarejos – um setor em crescimento no país.

A transação gerou debates nas mídias sociais. De acordo com Leandro Siqueira, cofundador do Edufinance, o potencial de controvérsia dessa negociação está mais relacionado ao histórico do grupo envolvido do que ao próprio negócio em si. Siqueira ressalta que as pessoas tendem a analisar minuciosamente o passado e isso pode suscitar preocupações. Um analista desprovido dessas informações provavelmente não perceberia qualquer viés na transação, porém, conhecendo a história, é natural ter algum receio.

O grupo francês Casino, liderado pelo presidente Jean-Charles Naouri, controla duas empresas no mercado. O executivo é conhecido por suas habilidades matemáticas e sua formação em Harvard. No entanto, algumas transações realizadas pelo conglomerado estrangeiro têm sido questionadas do ponto de vista da governança corporativa.

O Grupo Pão de Açúcar esteve envolvido em algumas situações, sendo uma delas a compra de cerca de 50% das ações ordinárias do GPA pela varejista colombiana Éxito em 2015. Essa transação foi realizada por um valor considerado acima dos praticados no mercado, o que significa que houve uma troca de dinheiro entre as empresas, mas sem alterar a propriedade das mesmas.

Diante de dificuldades financeiras e uma reputação abalada após um estudo questionar as práticas do grupo, o Casino buscava uma maneira de obter recursos sem precisar dividir o capital com acionistas minoritários, conforme afirmou o cofundador da Edufinance.

De acordo com Siqueira, o Éxito sempre foi lucrativo, mas apenas 54,8% das ações pertenciam ao conglomerado francês. Se o Casino quisesse ter acesso aos fundos do Éxito, eles teriam que distribuir os dividendos igualmente entre eles e outros acionistas.

De acordo com Siqueira, a solução encontrada para evitar a divisão de capital com os acionistas minoritários foi realizar uma transação entre as empresas controladas Éxito e GPA. O Casino vendeu metade das suas ações no GPA para o Éxito, obtendo um lucro de R$ 28,7 bilhões. No entanto, havia um problema: as ações do Pão de Açúcar na Bolsa valiam menos de R$ 18 bilhões. Portanto, cerca de R$ 10 bilhões foram gerados “do nada”. Essa venda ocorreu entre duas empresas controladas pelo grupo e que possuíam 50% dos seus acionistas como minoritários. Isso evidencia a falta de governança do Casino na América Latina.

No ano de 2019, o GPA adquiriu os papéis do Éxito por um valor de R$ 9,5 bilhões. Segundo Siqueira, essa transação foi realizada através de uma oferta pública de aquisição (OPA) e justificada como uma reorganização societária. No entanto, especula-se que na realidade tenha sido uma forma de obter lucro pessoal. Em contrapartida, em 2015 ocorreu algo mais grave: o GPA pagou bilhões a mais do que o preço de mercado para adquirir o Éxito. Já em 2019, o valor pago pelo Pão de Açúcar foi considerado justo.

Apesar de ter sido solicitado pelo E-Investidor para comentar sobre as declarações dos analistas, o Grupo Casino optou por não se manifestar até a divulgação desta matéria.

Sobre o grupo centenário

O Casino, uma das redes de supermercados mais antigas da França, foi fundado em 1898. A relação do presidente Naouri com essa gigante varejista começou nos anos 1990. Antes disso, ele teve uma carreira notável no setor público como diretor de gabinete no Ministério da Economia francês. Durante esse período, Naouri desempenhou um papel importante na estruturação do mercado de futuros e opções do país. Mais tarde, ele decidiu ingressar no setor privado e criou o fundo de investimento Euris.

You might be interested:  A Mulher Mais Bonita do Brasil: Descubra Quem é Ela

De acordo com Siqueira, o fundo tinha como objetivo investir em empresas sem adquirir uma participação majoritária, apenas o suficiente para ter controle. No entanto, surgiu uma oportunidade de investimento na varejista Rallye e o grupo foi comprado integralmente. Ao mesmo tempo, o Casino enfrentou uma oferta hostil de aquisição por parte do Promodes, um concorrente que pretendia remover os diretores do Casino da empresa. A Rallye e Naouri surgiram então como salvadores para os diretores do Casino.

Resumidamente, as empresas de Naouri possuem uma estrutura societária complexa, com várias holdings em um modelo de cascata. Por exemplo, o Casino controla o GPA e o Assaí, enquanto é controlado pelo Rallye. Acima do Rallye estão a Fonciere Euris, Finatis e Euris, que foram criadas pelo executivo francês para serem os principais controladores.

De acordo com Roberto Nemr, analista da Ohmresearch, a questão sobre o controle do Casino pelo Naouri é polêmica. Embora ele não possua 51% das ações do Casino diretamente, ele controla a Rallye, que por sua vez possui o controle acionário do Casino. Isso significa que Naouri precisa de uma participação menor para exercer seu controle sobre as empresas. Essa situação dificulta a possibilidade de outras empresas adquirirem essas companhias no mercado e implementarem mudanças na forma como são geridas.

Segundo Nemr, o Casino, que completou cem anos de existência, enfrentou dificuldades financeiras devido a escolhas estratégicas desfavoráveis nos últimos anos. Isso resultou em um aumento significativo do endividamento da empresa. As ações do conglomerado negociadas na bolsa de Paris caíram 50% nos últimos cinco anos, passando de 40 euros para os atuais 21 euros. Analistas afirmam que atualmente as decisões tomadas pelas holdings são voltadas mais para beneficiar os credores do que os acionistas.

De acordo com Nemr, os acionistas minoritários estão enfrentando uma situação desfavorável. Suas principais queixas são relacionadas à falta de transparência por parte da empresa. Além disso, a companhia fez aquisições equivocadas, resultando em um alto endividamento. Atualmente, a empresa está avaliada em cerca de 2,7 bilhões de euros na Bolsa de Paris e registrou uma dívida bruta de 4,8 bilhões de euros em 2020.

De acordo com um analista de mercado que acompanha a varejista, mas preferiu não se identificar, uma das únicas fontes de receita do Rallye hoje são os dividendos do Casino, que no final são dividendos do Grupo Pão de Açúcar. Ele relata ainda que a aquisição do GPA pela holding controlada pelo Naouri foi conturbada, com uma intensa disputa entre o empresário francês e o antigo dono da varejista brasileira, o empresário brasileiro Abilio Diniz.

Segundo um especialista com vasta experiência no mercado financeiro, os movimentos passados de Naouri tinham como objetivo direcionar a verba para as holdings superiores, evitando ao máximo dividir com os acionistas minoritários. Por essa razão, é comum uma empresa do grupo adquirir outra dentro do próprio grupo. Atualmente, as ações do GPA apresentam múltiplos mais elevados em comparação ao grupo Mateus e outras varejistas, o que representa um sério risco de governança corporativa.

Quem é o proprietário do Assaí Atacadista?

A venda das Lojas Extra Hiper gerou controvérsias e suscitou questionamentos. Segundo especialistas do mercado, embora a transação tenha ocorrido entre empresas do mesmo grupo, o valor pago pelo Assaí foi considerado justo. Além disso, a aquisição faz sentido para ambas as empresas envolvidas.

No início deste ano, o Assaí deixou de fazer parte do GPA, que era responsável por controlar o atacarejo. Nessa separação, os hipermercados do Extra foram adquiridos pelo Grupo Pão de Açúcar. Essa decisão surpreendeu muitos, pois apesar dos hipermercados serem considerados um desafio para o GPA, eles poderiam ter sido uma ferramenta importante para impulsionar o crescimento do Assaí.

Isso ocorreu devido à propriedade parcial das lojas Extra Hiper por parte de Abilio Diniz, que estava em um processo de arbitragem com o Casino desde 2017 para chegar a um acordo sobre esses estabelecimentos. A arbitragem foi concluída em julho, resultando na transferência das lojas para o Assaí apenas agora e não no momento da saída do Assaí do GPA. Essas informações foram fornecidas por Siqueira.

You might be interested:  Motivações e Preferências dos Bloqueadores

De acordo com Nemr, a troca de ativos entre as empresas foi uma oportunidade interessante para ambas. Ele sugere que uma forma de capitalização para o Grupo Casino poderia ser a venda do próprio Grupo Pão de Açúcar. Por isso, ele vê no GPA uma solução para os problemas enfrentados pelo grupo francês.

No entanto, no mercado há diferentes perspectivas sobre essa questão. Um analista não identificado explicou que o Assaí adquiriu a empresa por um valor muito alto, 50% acima do valor de mercado. Esse analista expressou dúvidas e mencionou a possibilidade de o GPA utilizar esse capital proveniente da venda das Lojas Extra para adquirir algum ativo do Casino, como por exemplo, a parte da Cnova (empresa de varejo online na França) pertencente ao grupo francês. Segundo ele, isso seria prejudicial e não faria sentido.

Uma questão levantada foi a ausência de convocação de uma Assembleia para que os acionistas pudessem votar na transação entre Assaí e Grupo Pão de Açúcar. Devido ao fato das duas empresas terem o mesmo controlador, a venda foi aprovada pelos conselheiros independentes das duas companhias.

Siqueira afirma que embora seja uma reclamação válida, não constitui necessariamente um problema de governança, pois não é obrigatório por lei. Ele também menciona que poderiam ter feito algo a respeito, mas isso não era uma exigência.

Proprietário do Assaí Atacadista: descubra quem é

A declaração de Imposto de Renda em 2024 pode trazer benefícios para aqueles que possuem filhos e dependentes. Isso ocorre porque a legislação tributária permite deduções específicas para quem possui essas responsabilidades familiares. Essa medida visa aliviar o ônus financeiro dessas pessoas, reduzindo o valor do imposto a ser pago. Portanto, é importante compreender as regras e requisitos necessários para aproveitar esse benefício fiscal ao realizar a declaração do Imposto de Renda deste ano.

A Receita Federal decidiu antecipar a liberação do programa para declaração do Imposto de Renda. Agora, os contribuintes poderão realizar suas declarações mais cedo e se prepararem com antecedência para o período de entrega. Essa medida visa facilitar o processo e evitar possíveis transtornos aos contribuintes.

Sistema do FGTS Digital é afetado por greve, causando paralisação; entenda.

Qual é a situação atual da Petrobras? Como a empresa estatal perdeu R$ 70 bilhões em valor de mercado na Bolsa?

Lula aborda dividendos e Petrobras, gerando reações no mercado. Descubra as opiniões sobre as declarações do presidente.

Nos bastidores, encontramos o Casino, empresa controladora do Assaí e Pão de Açúcar. Essa entidade desempenha um papel fundamental no cenário empresarial brasileiro.

Atual proprietário do Atacadão

O Assaí Atacadista é uma empresa do Grupo Carrefour Brasil, sendo o maior atacadista brasileiro em número de lojas. Presente em mais de 200 cidades distribuídas por todos os estados do país, a rede se destaca como líder no segmento de atacarejo (cash & carry) e está em constante expansão.

Com um modelo de negócio voltado para o abastecimento tanto de pequenos comerciantes quanto de consumidores finais que buscam economia na compra em grande quantidade, o Assaí oferece uma ampla variedade de produtos alimentícios e não-alimentícios. Seu objetivo é proporcionar aos clientes preços competitivos aliados à qualidade dos produtos.

A história do Assaí Atacadista teve início em 1974, quando foi fundada a primeira loja da rede no estado do Rio de Janeiro. Ao longo dos anos, a empresa conquistou espaço no mercado nacional e expandiu sua presença para outras regiões do país. Em 2007, o Grupo Pão de Açúcar adquiriu o controle acionário da companhia e passou a investir ainda mais na expansão da marca.

Atualmente, além das lojas físicas espalhadas pelo Brasil, o Assaí também conta com um canal online para facilitar as compras dos seus clientes. Com isso, busca estar presente nos diferentes canais de venda e acompanhar as mudanças nas preferências dos consumidores.

You might be interested:  A Paternidade de Tonho: Quem é o Pai?

Membros do grupo Assaí

Principais bandeiras do Grupo Casino:

1. Assaí Atacadista (Brasil)

2. Pão de Açúcar (Brasil)

3. Éxito (Colômbia)

4. Casino (França)

5. Géant (França)

6. Monoprix (França)

7. Disco (Uruguai)

8. Libertad (Argentina)

9. Bao Supermercados e Hipermercados

Fortuna do Assaí Atacadista: qual é?

No cenário do varejo brasileiro, é interessante analisar quais são as redes de supermercado mais ricas do país. De acordo com dados comparativos entre 2021 e 2020, podemos observar que o Carrefour se destaca como a rede mais rica, com um faturamento de R$ 74,7 bilhões. Essa posição privilegiada pode ser atribuída à sua presença consolidada no mercado nacional e internacional.

Em segundo lugar temos o Assaí Atacadista, com um faturamento de R$ 39,4 bilhões. O Assaí é uma rede que vem crescendo significativamente nos últimos anos e se tornou referência no segmento atacadista. Com foco em oferecer produtos em grandes quantidades para pequenos comerciantes e consumidores finais, a empresa conquistou seu espaço no mercado ao proporcionar preços competitivos aliados a uma ampla variedade de produtos.

Na terceira posição está o GPA (Grupo Pão de Açúcar), com um faturamento de R$ 31 bilhões. O GPA é conhecido por suas marcas famosas como Extra e Pão de Açúcar, que possuem grande presença em todo território nacional. Além disso, o grupo também possui outras bandeiras como Assaí (que já mencionamos anteriormente) e Casas Bahia.

Esses números demonstram não apenas a força dessas redes no setor varejista brasileiro mas também refletem as mudanças ocorridas durante os últimos anos na forma como os consumidores fazem suas compras. Com a pandemia da COVID-19 impulsionando ainda mais as vendas online e aumentando a demanda por alimentos básicos e produtos de primeira necessidade, essas redes souberam se adaptar às novas demandas do mercado.

Significado de Assaí em português

O Assaí Atacadista é uma rede de supermercados brasileira que pertence ao Grupo Pão de Açúcar (GPA). O GPA é uma das maiores empresas varejistas do país e possui diversas marcas em seu portfólio, incluindo o Assaí.

A história do Assaí começou em 1974, quando foi fundado no estado de São Paulo. Inicialmente, a empresa era voltada para atender pequenos comerciantes e transformadores, oferecendo produtos em grandes quantidades a preços competitivos. Com o passar dos anos, o negócio cresceu e se expandiu para outras regiões do Brasil.

Em 2007, o GPA adquiriu parte das ações da empresa e se tornou acionista majoritário do Assaí Atacadista. Desde então, houve um processo de integração entre as operações das duas empresas. O objetivo era aproveitar sinergias e fortalecer ainda mais a posição do Assaí no mercado atacadista.

Atualmente, o Assaí conta com centenas de lojas espalhadas por todo o Brasil. A marca se destaca pela variedade de produtos oferecidos e pelos preços competitivos praticados. Além disso, a empresa também investe na melhoria contínua da experiência de compra dos clientes.

Maior rede de supermercados no Brasil?

O Assaí Atacadista é uma das principais empresas do setor de atacado no Brasil. Com um faturamento de aproximadamente R$ 59,7 bilhões, o Assaí ocupa a segunda posição no ranking das maiores empresas do segmento. A empresa faz parte do Grupo Carrefour, que possui um faturamento ainda maior, chegando a cerca de R$ 108 bilhões.

O Grupo Carrefour é uma multinacional francesa presente em diversos países ao redor do mundo. No Brasil, além da rede varejista Carrefour, o grupo também controla o Assaí Atacadista. Essas duas marcas têm estratégias e públicos-alvo diferentes: enquanto o Carrefour atende principalmente clientes finais com suas lojas de supermercados e hipermercados, o Assaí foca na venda por atacado para pequenos comerciantes e consumidores que buscam economia comprando em grandes quantidades.

P.S.: É importante ressaltar que esses dados são referentes ao ano X (insira aqui o ano correspondente aos valores mencionados). O mercado varejista está sempre em constante movimento e os números podem variar ao longo dos anos.

P.S.: Vale destacar também que tanto o Grupo Carrefour quanto o Assaí Atacadista estão constantemente buscando expandir sua presença no mercado brasileiro. Ambas as marcas investem em abertura de novas unidades e ampliação da oferta de produtos para melhor atender às necessidades dos consumidores brasileiros.